Primavera

Autor Hamilton Brito

 

Sinta o vento correndo pelo céu
Eu vivo assim tal qual
Correndo pela terra e mares
E entre prostíbulos e altares
Ora coberto de espumas
Ora em grandes brumas
Vivendo os dias meus.
Certezas, quase  não tenho
Mas uma : há um Deus pra mim
Não será eternamente deste jeito
E tenho aqui dentro do peito
Que este meu  outono de vida
Ou mesmo  este inverno sem fim
Um dia serão coisas do passado
E que as flores florescerão  outra vez
Dentre elas a mais linda que ele fez
E você, minha deusa imaginada
Vai perenizar a estação
 e haverá primavera em mim.

 

 

 

 

Créditos:

Tube Feminino: Claudia Viza

Tube vaso - By Lut
 

 (Repasse com os devidos créditos)

Voltar
 

Copyright © 2013 - Todos os direitos reservados. 
Webdesigner Ângela*Poesi@
Publicado em: 10/09/2013 Atualizado em:  20.09.2013